Victor
Kingma
header
header
Facebook
Visitante nº: 77613
< Voltar

Maracanã antigo

 

Histórias do Maracanã: ADEG informa

 

O dia  em que Pelé fez do locutor do estádio o maior astro do espetáculo

Nos áureos e românticos tempos do futebol carioca, tempos dos geraldinos e arquibaldos, termos popularizados no rádio esportivo por Washington Rodrigues, o locutor oficial do estádio, Victorio Gutemberg Volpato, era uma atração à parte.

Com sua voz característica e o famoso bordão “ADEG informa” (posteriormente “SUDERJ informa”), fazia a alegria dos torcedores. Principalmente quando informava os gols das partidas paralelas que iam acontecendo na rodada em outros estádios.

Ele tinha uma característica peculiar: após dizer em qual estádio estava ocorrendo o jogo, sempre fazia uma pausa e criava um suspense antes de informar o autor do gol e em qual partida.

No início dos anos sessenta, o Santos tinha aquele timaço e Pelé, no auge da carreira, fazia gols todo jogo.

O locutor, então, nos jogos do time da Vila Belmiro, costumava fazer uma brincadeira com a torcida: fazia uma pausa maior, para informar o óbvio: gol do rei do futebol.

De uma delas me lembro bem.  No   campeonato carioca de 1964, Fluminense e Vasco se enfrentavam no Maracanã, enquanto, no mesmo horário, Santos x Corinthians disputavam uma partida decisiva no campeonato paulista.

Terminado o primeiro tempo, o clássico paulista estava empatado em 2 a 2. Pelé ainda não tinha feito gol, para frustração do locutor.

Entretanto, mal começou o segundo tempo em São Paulo e o saudoso   locutor entra em cena com sua voz empostada:

ADEG informa:

No Pacaembu… (e após longos segundos de pausa)

PELÉ!!! Terceiro gol do Santos.

Santos três, Corinthians dois!

Delírio da torcida.

Poucos minutos depois ele retorna:

ADEG informa:

No Pacaembu… (longa pausa)

PELÉ!!! Quarto gol do Santos.

Santos quatro, Corinthians dois!

Nova vibração da torcida!

Cinco minutos depois e nova intervenção:

ADEG informa:

No Pacaembu…

Mas antes que ele criasse o suspense para dar a informação, os quase 70.000 torcedores tricolores e vascaínos presentes no estádio entoaram o coro:

PELÉÉÉÉÉ!!!

E o lendário locutor, entrando na onda dos torcedores, apenas completou a informação:

Quinto gol do Santos.

Santos Cinco, Corinthians dois.

Até o final do jogo foi uma festa pois Pelé ainda faria mais um gol. O histórico jogo daquele 06/12/1964 terminou 7 a 4 para o Santos.

Saudosas histórias dos tempos românticos do Maracanã e do futebol.